Rádio Clube Sabáudia

 

Incêndio em hospital obriga transferência de pacientes

Pacientes da unidade Bela Suíça do Hospital do Coração, em Londrina, precisaram ser transferidos nesta quarta-feira (9)...

A ala pediátrica e o centro cirúrgico da unidade foram atingidas por um incêndio. Ao todo, 14 pacientes foram transferidos para a Unidade Paes Leme do Hospital do Coração. De acordo com a administração do hospital, todos passam bem e não tiveram prejuízos em razão da transferência.

Três caminhões do Corpo de Bombeiros atenderam a ocorrência, além de dez ambulâncias, que foram utilizadas para transportar os pacientes. A instituição informou ainda que ninguém ficou ferido.

De acordo com os Bombeiros, o incêndio atingiu fiação, forro e parte das tubulações. Ainda não é possível saber as causas do incêndio.

Em nota divulgada para a imprensa, o Hospital do Coração informa que "a brigada de incêndio agiu rapidamente, controlando as chamas até a chegada dos bombeiros".

Confira a íntegra da nota:

Em relação ao princípio de incêndio, ocorrido nesta manhã em nossa Unidade Bela Suíça, atualizamos as informações: O foco foi constatado em um corredor, próximo a uma área administrativa. Imediatamente, nossa brigada de incêndio entrou em ação, controlando a situação e acionando também o Corpo de Bombeiros. Não chegou a haver chamas, por isso não houve qualquer dano estrutural e ferimentos em nossos colaboradores, brigadistas, pacientes, acompanhantes ou bombeiros. Em razão da fumaça, adotou-se a prática, referendada por protocolos e treinamentos, de evacuar áreas onde pessoas pudessem vir a inalá-la. Foram transferidos 14 pacientes para a Unidade Paes Leme do Hospital do Coração. Todos passam bem, sem prejuízos em razão da transferência. No total, a Unidade Bela Suíça tem capacidade para 180 pacientes. A ala de adultos não foi atingida pela fumaça e funciona normalmente. O prédio foi vistoriado e liberado, em sua totalidade, pelo Corpo de Bombeiros. Estão sendo feitos os reparos necessários para que o prédio volte a funcionar em sua totalidade nos próximos dias. Ressaltamos que o prédio, inaugurado em 2015, foi construído dentro do que há de mais moderno em protocolos de arquitetura e engenharia hospitalar, notadamente com materiais antichamas. Isso, aliado ao treinamento de nosso pessoal, foi fundamental para que não se passasse de um incidente. Aproveitamos a oportunidade para agradecer a vocês, jornalistas, pela forma precisa e pautada na ética com que informaram a população. Agradecemos pela atenção. Direção do Hospital do Coração de Londrina

Fonte Massa News.

Esta notícia teve 72 acessos até o momento..

 

  

      

 

 

    

 

 

 

       

Facebook

Visitantes Online

Temos 122 visitantes online

Contatos

(44) 9 9906-2604  Stéfani Aguiar (Colunista/ Vendedora)

R. Jácomo Valério, Centro Sabáudia-PR