Rádio Clube Sabáudia

 

Governador assina decreto que cria a Delegacia da Mulher de Arapongas

O passo decisivo que faltava para consolidar uma luta de várias entidades ligadas à segurança pública do município foi dado nesta quinta-feira (31)...

O governador Ratinho Júnior assinou, em Foz do Iguaçu, o decreto criando a Delegacia da Mulher de Arapongas. “É um passo muito importante para Arapongas, uma conquista que deve ser comemorada por todos, principalmente pelos representantes das entidades que vinham lutando há tanto tempo, ao nosso lado, para garantir a Delegacia da Mulher no nosso município”, afirmou o prefeito Sérgio Onofre.

O deputado estadual Tiago Amaral e Radamés Bonora, assessor do deputado federal Pedro Lupion, também estavam presentes.

O secretário municipal de Segurança Pública e Trânsito, Paulo Sérgio Argati, ressalta que a sede da Delegacia já está definida, na Rua Beija-Flor, área central da cidade, porém o decreto era aguardado com expectativa para os trâmites administrativos finais, como o remanejamento da equipe. “Agora, com a assinatura do decreto pelo governador, vamos acelerar os preparativos e deixar tudo pronto para que a Delegacia seja inaugurada o quanto antes”, comenta o secretário.

A Delegacia da Mulher vinha sendo reivindicada ao prefeito Sérgio Onofre por representantes da OAB, Polícia Civil, Guarda Municipal, Conselho Municipal de Segurança e outras entidades. No Paraná, são 20 municípios com Delegacia da Mulher, sendo 19 em cidades do interior:

Apucarana, Araucária, Campo Mourão, Cascavel, Cianorte, Cornélio Procópio, Foz do Iguaçu, Francisco Beltrão, Guarapuava, Jacarezinho, Londrina, Maringá, Paranavaí, Pato Branco, Ponta Grossa, São José dos Pinhais, Toledo, Umuarama e União da Vitória.

Os dados da Polícia Civil mostram que a quantidade de inquéritos registrados pelo crime de lesão corporal contra as mulheres aumentou de 80 em 2017 para 135 em 2018, indicando portando uma tendência de alta nos índices de violência doméstica contra a mulher, fato explicado, segundo as autoridades, pela ausência de prevenção e repressão contra tal prática.

Fonte TN Online.

Esta notícia teve 88 acessos até o momento..

 

 

  

          

 

 

 

       

Facebook

Visitantes Online

Temos 144 visitantes online

Contatos

(44) 9 9906-2604  Stéfani Aguiar (Colunista/ Vendedora)

R. Jácomo Valério, Centro Sabáudia-PR